E aí, galera que curte o Momento Retrô? Hoje vamos falar de um game que é pra lá de divertido e que em 2017 completa 20 anos de existência, o Star Fox 64.

O jogo possui uma jogabilidade regular, enquanto os gráficos e a trilha sonora deixam a desejar, mas possui uma história bem elaborada. Star Fox se inicia quando o general Pepper solicita ajuda de Fox McClaud para lutar contra o exército de Andross, um vilão que foi derrotado cinco anos atrás e retornou para tomar conta do sistema Lylat.

Fox McCloud segue os passos de seu pai, James McCloud, que foi traído junto com seu amigo Peppy por um integrante de sua antiga equipe, a Pigma. Peppy conseguiu escapar da emboscada, mas James não teve tanta sorte. Cinco depois desse acontecimento, Fox reúne uma nova equipe formada por Peppy Hare, o coelho; Falco Lombardi. o falcão; e Slippy Toad, o sapo. Juntos, a equipe Star Fox tem o objetivo de destruir as forças de Andross e evitar que controle o sistema Lylat.

 

Em Lylat, cada fase possui um objetivo diferente e cada ação que se faça ao concluir a missão altera o caminho que iremos percorrer na próxima fase até zerar o game. No total são 15 fases, podendo percorrer três caminhos diferentes e aleatórios, alguns mais fáceis outros nem tanto.

A jogabilidade não é complicada, mas demora um pouco até o player se acostumar com os vários botões que o N64 possui. Em resumo temos o analógico que movimenta a nave, botões que disparam lasers, um ataque especial que dispara uma bomba, freio, turbo, alterar a câmera, e que inclinam a nave e/ou fazem a mesma girar.

Os gráficos não foram tão trabalhados, até porque uma parte das fases é no espaço e lá há um fundo negro. A trilha sonora também não teve muito capricho e quase não percebemos devido à velocidade do jogo que não nos permite vacilar.

Um ponto a se destacar são as participações de outros personagens, como Bill, o cachorro, e  Katt, a gata, que nos ajudam em determinadas fases, além, é claro de Robb, nosso robô ajudante que nos acompanha durante toda jogatina.

  

Os bosses do game são muito bons, não possuem grande dificuldade, mas é muito bacana derrotá-los. Uma observação que deve ser feita é o momento antes de enfrentá-los. Toda equipe Star Fox muda para uma espécie de “modo de batalha” e assim começa o confronto. O game chega ao momento mais legal justamente em um boss. Vamos falar de Star Wolf!

A equipe Star Wolf é liderada por Wolf, o lobo, e conta com Andrew, o macaco; Leon, o camaleão; e o traidor Pigma, o porco. Nesse momento temos uma batalha aérea na qual temos que atacar, ajudar nossos companheiros e executar manobras como um loop para escapar dos ataques inimigos.

Star Fox 64 não é um jogo difícil, é um jogo muito divertido de jogar e bem desafiador. Por outro lado, caso escolha o caminho realmente difícil, aí a coisa complica. Para finalizar, ao derrotarmos o último boss, Andross, recebemos uma ajuda bem especial de um último personagem: James McCloud! Isso, ele está vivo! E nos ajuda a encontrar o caminho correto antes de tudo ir pelos ares. Depois de tudo é só curtir o final do game.

VEJA O VÍDEO:

ESPECIFICAÇÕES TÉCNICAS:

Star Fox 64
Lylat Wars

Capa da versão norte-americana para Nintendo 64.

Produtora(s) Nintendo EAD
Editora(s) Nintendo
Diretor(es) Takao Shimizu
Produtor(es) Shigeru Miyamoto
Compositor(es) Koji Kondo
Hajime Wakai
Artista(s) Takaya Imamura
Plataforma(s) Nintendo 64
Série Star Fox
Conversões/
relançamentos
iQue Player
Wii(Virtual Console)
Wii U(Virtual Console)
Data(s) de lançamento Nintendo 64[1]

iQue Player

Wii

Wii U

Gênero(s) Ação/ Tiro
Modos de jogo Single Player, Multiplayer
Número de jogadores 1 a 4
Classificação Permitido para todas as idades i CERO (Japão)
Inadequado para menores de 6 anos i ESRB (América do Norte)
Inadequado para menores de 7 anos i PEGI (Europa)
Média Cartucho de 96 megabit

10Apoio: RETROGAMER – FORTALEZA