SIMPLE-PROMO

(Foto: Reprodução).

E aí queridos e queridas, sejam muito bem-vindos a mais um Mobilezando! Hoje com um game que envolve física, sorte e uma junção que pode dar muito certo ou muito errado. Desde já agradeço a todos os leitores dessa coluna que é feita com muito carinho! Sem mais delongas, só vamos. :)

Jogo: Bluk;
Tamanho: 42 Mb;
Oferecido por: Pixel Ape;
Para: IOS e Android.

Jogabilidade: 8/10

Como eu disse antes de começar a análise, Bluk é um jogo que envolve física e sorte. Física pois sua gameplay é mover um quadrado através de plataformas de alturas diferentes ao longo de um mundo retilíneo, que o impulso de cada pulo do seu quadrado será controlado por você através do toque na tela do device. Ao longo da caminhada é possível coletar poderes como pular mais longe, ter uma física diferente através dos mundos e muito mais. Quando acabar a jornada através dos mundos, ainda terá o “infinite mood” que como o próprio nome já diz, é um modo de pulo infinito para saber até onde a física e a sorte estão com você. Com 45 conquistas a serem desbloqueadas e o gameplay apesar de parecer bem simples, será sempre diferente e duradouro.

Desempenho: 9,5/10

Bluk apresenta uma opção que particularmente não se vê em muitos jogos para devices. Em suas configurações, é possível que possamos escolher o nível gráfico que o jogo irá rodar, basicamente como é em jogo de PC, por exemplo. Isso acaba deixando o jogo mais leve e fazendo com que a bateria tenha uma vida longa e próspera ao longo da sua jornada dentro dos mundos do jogo. Além de não causar travamentos nem perda de desempenho dos aparelhos em geral. Por mais games que possam ser tão bem otimizados como Bluk para o mundo dos devices.

Gráficos: 8,5/10

Com relação a sua parte gráfica, como citei no tópico anterior, Bluk apresenta uma opção interessante de rodar em opções gráficas mais baixas, fazendo com que possa ser um jogo mais leve até para os aparelhos que não apresentam mais tanto potencial. Apesar de parecer algo simples, em tese pela a sua jogabilidade, o game é muito bem trabalhado em detalhes, é possível que o quadrado possa ter qualquer cor da palheta de cores do RGB, e dependendo da cor que o jogador escolha, as cores ao fundo do mapa da fase e dos mundos em geral, se adaptam para que fique algo visualmente suave e mais bonito. Fora a sua trilha sonora que é sensacional, com tons épicos deixando a jornada com uma pegada mais incrível.

BLUK

(Foto: Reprodução).

Avaliação final: 8,6/10

Bluk é um jogo que é lindo aos olhos pelas as suas cores, músicas e perfeito em sua física bem aplicada a gravidade. Vai ser um jogo lindo e longo, ou seja, irá proporcionar muita diversão e raiva ao mesmo tempo na fila do banco! uashaushauish.

Link para download: http://www.pixelapestudios.com/bluk/

Por hoje é só pessoal, agradeço pela paciência e leitura. Críticas, sugestões e comentários serão sempre muito bem vindos!

Obrigado e até a próxima semana com mais um Mobilezando! 😀


10649904_947268718700477_5141063123742980764_nAlessio Chaves
Formando no curso integrado de informática pelo IFCE, graduado no curso “open CG” pela Gracom, secretário Geral da UCEG e host do Quebrando o Controle.
“Pode-se dizer que sou levemente autista que ama games e faz deles um hobby para alegrar as pessoas.”