sonyplaystationlogoe32014

Dando continuidade à cobertura da #E32016, hoje o foco será a Sony e o que a empresa pode apresentar na conferência deste ano.

Em 2015, a Sony foi a conferência que mais teve repercussão. Mesmo com o anuncio da Microsoft a respeito da retrocompatibilidade no Xbox One, a Sony mostrou que tinha grandes novidades para desbancar a sua principal rival. Assim, a empresa começou sua apresentação mostrando um novo gameplay de The Last Guardian, jogo que completou dez anos desde seu primeiro trailer em 2006, e pegou diversos jogadores e imprensa de surpresa, pois, para muitos, o jogo nunca iria sair.

Horizon Zero Dawn, novo jogo da Guerrilla Games, que roubou a apresentação com um belo gameplay mostrando o universo fantasioso do game e sua estética misturando seres humanos primitivos e animais cibernéticos.

FF7Remake

Contudo, o ponto alto da conferência foi a apresentação de um misterioso trailer. Um ‘novo’ game parecia ser apresentado para aqueles que possuíam o console da empresa, porém, ao final, foi revelado a todos que aquilo era nada mais nada menos que Final Fantasy 7.O remake anunciado será exclusivo de PS4. Mais uma surpresa para aqueles que assistiam à apresentação.

Quando todos achavam que o clímax do evento havia chegado, Yu Suzuki, criador da lendária franquia Shenmue, subiu ao palco para apresentar seu novo projeto no KickStarter: a continuação de sua saga que foi interrompida após a SEGA ter descontinuado a produção de consoles de mesa. Após o anúncio, um pequeno teaser do que seria Shenmue 3 foi apresentado e, após o termino, sua campanha no site de arrecadação coletiva começou.

Devido à quantidade de jogos e trailers apresentados, embora nenhum jogo mencionado tenha realmente sido lançado até a presente data, as expectativas para 2016 são uma apresentação no mesmo nível ou melhor. Alguns dos jogos e aparelhos abaixo podem figurar no evento:

  • God of War 4
  • Novo Projeto de Hideo Kojima
  • Novo Crash
  • Novo jogo da Naughty  Dog

 


 

11666031_950900884966509_4343823221100572090_n

André Mesquita
Mercante e amante de jogos digitais
‘A cultura gamer vai muito além de pressionar botões’