Olá fighters! Chegou a hora de relembrar mais um grande título que faz parte da história dos nossos amados Fighting Games. Estou falando da tão clássica quanto aclamada série da Capcom: Darkstalkers.

1

Lançado em 1994, a série Darkstalkers, conhecida como Vampire na Ásia, é uma série de jogos de luta com uma temática de personagens com origens folclóricas e de contos literários. No elenco de personagens do game há criaturas inspiradas em vampiros, múmias e até na chapéuzinho vermelho. Darkstalkers foi revolucionário na jogabilidade, seus gráficos e animações cartunizadas eram notavelmente polidos para os padrões da época e seu sucesso acabou influenciando positivamente outros jogos da Capcom, como Street Fighter Alpha.

GAMEPLAY E MECÂNICAS:

(baseado na versão arcade do jogo)

Vamos explorar bastante o que se pode fazer nesse game. Se você sempre quis aprofundar ou tem curiosidade a respeito, essa é a hora.

2

Defesa aérea:

Para executar, é como uma defesa no chão, segurando para trás. Você pode defender quase tudo: Projéteis, outros golpes aéreos, e até shoryukens! E ainda tem mais! Se você consegue defender no ar, você pode apertar um botão para “cancelar” a animação de defesa, o que pode acertar o oponente caso ele esteja no alcance. Essa técnica chamamos de “Chicken Blocking”, o ato de defender intencionalmente.

Porém, a defesa aérea perde para golpes no chão, que são impossíveis de defender no ar (Existem pequenas exceções, mas são bugs do jogo, então não conta). Por exemplo, golpes como esse (O Chute Médio de longe do Demitri) em alguns casos acaba se saindo melhor que um Shoryuken, graças à mecânica de defesa aérea.

3

Guard Cancel:

Uma mecânica defensiva e muito boa dependendo do personagem. Semelhante aos “Alpha Counters” de Street Fighter. Para executar, basta fazer movimento de Shoryuken enquanto defende. Essa mecânica pode ser executada com soco ou chute, vai depender o personagem utilizado. Cada personagem tem um Guard Cancel único, então alguns acabam sendo melhores que outros.

Tech Hit:

Também conhecido como Advancing Guard, ou ‘Pushblocking’ para o leitor ter uma noção mais literal. Essa e outras mecânicas foram reaproveitadas pela CAPCOM em outras séries (como MvC). A mecânica tem uma chance de “ativar” para cada “input” que o jogador faz enquanto defende: 1 e 2 inputs: 0% 3: 25% 4: 50% 5: 75% 6: 100%.

Players descobriram vários métodos para conseguir um Advancing Guard o mais rápido possível (Para vários tipos de controles), mas é algo super avançado. (Nota importante, o personagem Anakaris não tem acesso à essa mecânica).

Ground Tech ou “Tech Roll” (Mais usado):

É o “rolamento” do jogo. Quando o personagem cai, você pode simplesmente segurar direita ou esquerda, e pressionar qualquer botão, não há um timing específico pra isso. O personagem vai “rolar” para o lado especificado. Isso te dá 3 opções: Ou você levanta sem rolar, ou rola pra direita, ou pra esquerda. Ótimo para evitar que o oponente te pressione enquanto está levantando. Cada personagem “rola” em velocidades diferentes, o que é um diferencial positivo.

Dark Force ou DF:

Para usar a mecânica de Dark Force, você deve apertar um soco e um chute da mesma força enquanto tem no mínimo uma barra. Quando ela é ativada, ela muda ou adiciona algo as mecânicas do personagem temporariamente. Como cada personagem ganha aspectos diferentes, alguns acabam se saindo melhores que outros. As melhores Dark Forces do jogo (Em quesito de ofensiva) são a da Felicia e a do Jedah, mas ambas podem ser usadas de maneira defensiva também.

Pra exemplo: Veja como o jogador profissional “Ailerus” ganhou essa luta graças à Dark Force.

E aqui temos o jogador profissional “Dyne”, outro jogador americano, que é conhecido por usar a Dark Force bem agressivamente com o Jedah. Ele é até dono do meme “Dyne Force”!

Sistema de vida:

Existem 3 cores da barra de vida. Verde: Sua vida atual, em situações de time over quem tiver mais barra verde, ganha. Vermelha: É o dano permanente, ou seja, impossível de recuperar. Branca: É o dano recuperável. Esse dano recupera sozinho, é só não defender ataques ou tomar dano. Nota: Chip damage causa dano branco.

Cada ataque pode causar tanto dano vermelho quanto branco. Também é fácil de notar os “morcegos” próximos às barras dos personagens. Esse é o sistema de “lives” do jogo. Não entendeu? É como os “stocks” em Smash Bros, sabe? Perdeu um, o jogo continua. Não tem rounds. Se você jogou Killer Instinct, provavelmente já experienciou isso. O jogador que perde todos os “morcegos” perde a partida.

4

ES e EX Moves:

ES Moves são executados como um especial comum, mas apertando 2 botões ao invés de um. Para saber diferenciar, é só notar que o personagem fica um pouco azulado. A maioria dos Guard Cancels possuem uma versão ES.

EX Moves são os “Supers” do jogo. O personagem fica todo colorido quando acontece. Esses nomes costumam causar confusão, pois um especial com dois botões é chamado de “EX” em Street Fighter.

Magic Series ou Chain combos:

Quem já jogou MvC, vai saber que é possível fazer “chain” em vários golpes para criar combos. Magic Series é literalmente a mesma coisa, mas sem jogar pro alto. Também é possível fazer “chains” aéreas, mas são normalmente usadas para começar combos, ou enganar o oponente com overheads duplos, ou triplos

Throw ou Agarrões:

Eles são executados ao pressionar frente ou trás, junto com um soco ou chute médio ou forte. Alguns personagens possuem apenas agarrões com soco, outros com soco e chute, isso varia muito.

É possível “techar” (se livrar) um throw também, fazendo o mesmo comando de agarrão um pouco depois de receber o agarrão. Isso é chamado de “Tech throw”. Vale lembrar que agarrões de comando (command throws) não podem ser “techados”, com a exceção de um do Victor.

Pursuits: São executados pressionando cima + um botão depois que derrubar o adversário, exige um timing específico. Isso acerta o adversário no chão, normalmente dando um pouco de dano branco, ou seja, recuperável. É possível usar uma versão ES do Pursuit, apertando dois socos, ou dois chutes ao invés de um.

5

Fireballs e Shoryukens:

Fireballs são bem diferentes em Darkstalkers. Normalmente, você pensaria que “Darkstalkers é Street Fighter só que com monstros”, mas você está super enganado. Demitri não é Ryu. Ken não é Morrigan. Victor não é Zangief. Fireballs normalmente são lentas, tem alcance limitado (Mais ou menos como é a fireball da Sakura), e você não pode jogá-las constantemente, como em Street Fighter. Aqui, temos que esperar a Fireball sumir POR COMPLETO. Por isso, e pelo fato de Defesa aérea existir, jogar “na retranca” acaba sendo um pouco difícil.

Agora, os Shoryukens. Eles ainda agem normalmente: Derrubam, podem ser usados em previsão, e em combos (Onde não são bons). A única coisa que os afeta é a tal da defesa aérea. Normalmente, como na série Alpha, você não poderia defender Shoryukens no ar, pois no primeiro frame, o jogo trata o seu personagem como se estivesse no chão.

Nesse jogo, o personagem é considerado estar no ar! Por isso, a defesa aérea é possível, e fazer um jogo de magia + shoryuken acaba sendo quase impossível contra jogadores experientes.

CENA, COMUNIDADE E PLAYERS:

Comunidade brasileira e mundial:
A comunidade brasileira é mais ativa via Discord. Tem muita gente, mas não são todos os que aparecem com frequência. A comunidade tem torneios casuais (Online) todas as quartas. Na parte offline, até o momento, você raramente encontra um grupo que se dedique ao jogo. Na época que o jogo lançou,  não duvido que existiram vários campeonatos com prêmios em dinheiro!

A comunidade mundial do jogo é a parte incrível. Atualmente, as comunidades mais fortes de Vampire Savior são a Norte-Americana, e a Japonesa, muito fortes em torneios offline.

 Principais torneios que contemplam o jogo:
Os mais populares são a Makai World Cup, onde apareceram muitos jogadores japoneses, o Combo Breaker (O torneio desse ano foi incrível, por sinal!), o Frosty Faustings, e a AnimEVO.

No Japão, temos a Darkstalkers Combination Cup (Viva desde 2006, ou talvez até mais tempo!), a grande Judgment Day, e a Devil’s Playground. Vale lembrar também que Vampire Savior começou a aparecer na EVO Japan em 2018 onde muitos jogadores compareceram.

ProPlayers
Existem vários ótimos representantes com cada personagem. Aqui estão alguns players que são referência em cada personagem.

– Anakaris: Chikyuu (Oldschool!);
– Aulbath (Ou Rikuo): Uminoko;
– Bishamon: Nakanishi (Campeão da Combo Breaker nesse ano! Quem leu aquele mangá do Daigo vai lembrar que Daigo e Nuki também usaram esse personagem no passado.);
– Bulleta (Ou Baby Bonnie Hood): Kosho (Sakonoko também usava a personagem na época que jogava.);
– Demitri: Dara (Costuma aparecer nos side events da EVO Americana);
– Felicia: Lyne (A pronúncia é “Raine”);
– Gallon (Ou Jon Talbain): Takahashi, Buzz;
– Jedah: Oouchi;
– Lei-Lei/Hsien-Ko: Ego;
– Lilith: Kaji (Campeão da EVO Japan 2018!);
– Morrigan: Nishiken;
– Q-Bee: Sakamoto;
– Sasquatch: DD;
– Victor: Kame;
– Zabel (Ou Lord Raptor): Komemaru;

Momento marcante:

Os primeiros torneios do jogo com toda a certeza foram o que construiu o amor que muitos dos jogadores tem pelo jogo. Existem muitas pessoas que jogam a muito tempo, até mesmo alguns dos jogadores já mencionados.

Esse jogo é bem legal e eu quero aprender a jogar, por onde eu começo?
Primeiramente, você é muito bem-vindo à comunidade brasileira, no Discord. (Link de convite: https://discord.gg/vTqHw7k)
Você será acolhido e guiado pra bem longe do Sasquatch!

***

Agradecimentos especiais a comunidade brasileira de Darkstalkes, “Neko Punchi” que tornou possível a conclusão deste artigo, e aos players dedicados que me ajudaram “The Seeker”(https://twitter.com/ISW_TheSeeker) e Redarts (Discord: Redarts#6091).

Eaí pessoal? Demorou mas saiu. Gostaram da matéria? Querem que eu cubra algum jogo específico? Comentem!


honorioHonório “IMPERAMON” Martins

“Pai, Técnico em Manutenção e Suporte pela S.O.S Técnicos em Informática. Jogador apaixonado desde sempre. Entusiasta em jogos RTSs, MMORPGs e FGs. Competidor de SC6, T7, DoA6 e Uni[st] pela WasF Gaming.”