cdpr-default

(Foto: Reprodução/CD Projekt Red)

Tem sido uma belíssima meia-década para a CD PROJEKT RED, criadora de The Witcher e GWENT (e em algum momento futuro CYBERPUNK 2077), os estúdios CD PROJEKT RED e Digital storefront GOG – especialmente na metade do ano passado. A empresa começou 2015 com o preço de suas ações em torno de 17PLN ($ 4.18), mas seguindo o impulso no final de 2016 e começo de 2017, agora está no valor de 70PLN ($17.20) por ação.

cd

(Foto: Reprodução)

Como mostrado pelo membro do site NeoGAF, boskee, isso dá um valor de mercado superior a 1.6 Bilhões de dólares, e apesar da sua aparência indie e desconexa, foi o suficiente pra torná-la uma das maiores empresas da Polônia. Apenas para comparação, a gigante polonesa está a frente da CAPCOM, que possui um valor de mercado avaliado em 1.38 Bilhões de dólares. Também representa um aumento significativamente grande desde o verão de 2016, quando a companhia revelou que seu valor havia chegado a marca de 1 bilhão de dólares, como o GAMASUTRA soltou uma nota, de que na força do game The Witcher 3, que ainda continuou seguindo em frente com as expansões “Hearts of Stone” e “Blood and Wine” e- como sempre – GOG.

Outros valores de mercados apenas para fins informativos:

  • Konami: 89 Bilhões de dólares;
  • Square Enix: 52 Bilhões de dólares;
  • Focus Home Interactive: 152 Milhões de dólares;
  • Activision/Blizzard: 38 Bilhões de dólares.

Tudo bem, essa ultima foi covardia. Por outro lado a CD PROJEKT RED também tem um valor de mercado maior do que a Tauron Polska Energia AS, uma companhia de energia que mantém seus interesses em energia, aquecimento , distribuição e mineração de carvão, que emprega cerca de 25.000 pessoas. É de fato impressionante. Se CIBERPUNK 2077 é tão grande quanto The Witcher 3, a CD PROJEKT RED pode começar a encostar na SQUARE ENIX em alguns anos.

Mais detalhes sobre o estado financeiro da CD PROJEKT RED vai ser revelado em 30 de março, quando a companhia libera seus resultados anuais.

Fonte(s): PCGamer


Photo: Icaro Araújo
Estudante de jornalismo e Gamer de coração.
“Nada é verdadeiro, tudo é permitido”